Home / Conquistas / Sinterp assina CCT com reajuste de 11% para os educadores

Sinterp assina CCT com reajuste de 11% para os educadores

O Sindicato dos Trabalhadores da Rede Particular de Ensino (Sinterp-MA) e o Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino (Sinepe) assinaram nesta terça-feira (31), a Convenção Coletiva 2016, garantindo um reajuste de 11% aos educadores da rede particular, com base no salàrio de março. Com o reajuste, o piso salarial dos administrativos passa para R$ 927,57 (novecentos e vinte e sete reais e cinquenta e sete centavos) e o piso dos vigilantes passa para R$ 990,00 (novecentos e noventa reais).

Este ano, a negociação exigiu forte atuação da comissão do Sinterp-MA, diante da inicial intransigência do Sindicato Patronal, que se recusava a repassar qualquer valor acima de 9,3%, alegando prejuízos advindos da crise econômica. O Sinterp levou o caso ao Ministério Público do Trabalho (MPT), e anunciou panfletagem e anúncios em carros de som na porta das escolas, além de ação trabalhista para garantir o reajuste. “Não cedemos à pressão e atuamos por meio da mobilização para buscar este direito dos trabalhadores”, pontua o presidente da entidade, professor Jorge Lobão.

A CCT 2016 mantém todas as garantias previstas nos anos anteriores.

Você pode Gostar de:

Curso Estadual de Arbitragem – Ginástica Artística Feminina

Best free WordPress theme